Mudanças de comportamento em cães idosos

Clique aqui para entender como adestrar seu cão.

Bom, que os filhotes são cheios de comportamento, todo mundo sabe. Mas pouco se fala dessas mudanças em cães idosos.

Quer adestrar um cachorro adulto? Sem ter que desembolsar muito dinheiro? Se esse é o seu desejo, clique e saiba como aqui.

O grande problema dos cães idosos não é que eles não entendem as regras, mas sim que eles talvez não sejam mais capazes de segui-las, pelas próprias limitações que a idade traz aos cães. Um cachorro é considerado idoso a partir de seus 7 anos de vida.

Ansiedade de separação em cães idosos

Esse é um problema muito comum nos cães um pouco mais velhos. Um cão que tem esse problema, fica sempre muito ansioso quando percebe que o dono está indo sair.

E, quando isso acontece muitas vezes, o cachorro começa a apresentar comportamentos estranhos, como urinar e salivar muito, por exemplo. E fica mais contente que o normal quando o dono retorna.

Como adestrar seu cão você mesmo! Veja aqui.

Outro grande problema dos cães mais idosos é a dificuldade de lidar com as mudanças na rotina da casa, especialmente quando há a perda parcial da visão ou da audição do cachorro, o que deixa o animal mais ansioso, especialmente quando são separados do dono.

Dicas para lidar com esse problema:

– Não fique anunciando que vai sair nem fazendo alarde demais na hora de sair, para não reforçar o comportamento do cão.

– Não fique dando pistas que vai sair de casa. Os cachorros são espertos e percebem certos detalhes, como o despertador ou o barulho das suas chaves, por exemplo. Por isso, tente sempre mudar um pouco a rotina na hora de sair, para não alarmar o cão e disparar a ansiedade de separação dele.

– Toda vez que for sair de casa, dê ao seu cachorro um brinquedo ou algo que ele goste. Assim, ele se esquece um pouco da sua partida e se concentra no brinquedo.

– Deixe uma roupa velha sua na casinha do cachorro. Assim ele sente o seu cheiro e não se sente tão sozinho.

Agressividade em cães idosos

Alguns cachorros mais idosos podem acabar se tornando mais agressivos. Isso pode ser o resultado de um problema físico, como uma dor constante que ele possa estar sentindo, perda da audição ou da visão, o que deixa o cão naturalmente mais assustado e, por consequência, mais agressivo.

Neste caso, é de suma importância que você leve o seu cachorro ao veterinário. É ele quem poderá fazer exames específicos e descobrir o que tanto anda incomodando o seu cachorro.

Com uma boa dose de paciência, compreensão e carinho, você pode ter um cão idoso, mas cheio de qualidade de vida!

Quer aproveitar que já está aqui e aprender a adestrar o seu cão hoje mesmo? Clique e conheça o meu método de adestramento!

 

Clique aqui para entender como adestrar seu cão.

Deixe um Comentário

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

If you agree to these terms, please click here.